Indústria 4.0 abre novas oportunidades para os empresários da Bacia de Campos

Ultimas NoticiasUncategorized

Written by:

A 4ª revolução industrial foi o tema central do workshop gratuito promovido pelo Sebrae/RJ em Macaé. Mais de 90 empresários do segmento de petróleo e gás que atuam na Bacia de Campos participaram do encontro para entender como funciona a transformação digital proposta pela Indústria 4.0 – um novo modelo de negócios que une a internet com a automatização industrial. Gilberto Soares, coordenador regional do Sebrae/RJ no Norte Fluminense, acredita que o evento foi importante para  ajudar os empresários a entender o conceito e conhecer os impactos a curto, médio e longo prazo para sua empresa.

“Os participantes puderam avaliar seu negócio sob a ótica da transformação digital, identificaram as tecnologias que podem impactar seus negócios e poderão incorporar em seus processos novas soluções que gerem mais economia, produtividade e customização”, explica Soares.

Para o workshop foram convidadas as empresas Cisco, líder mundial em Tecnologia da Informação e Redes; e MXM, desenvolvedora de soluções de Tecnologia da Informação com foco em gestão empresarial. O objetivo foi apresentar os conceitos aos micro e pequenos empresários da região e mostrar como cada empresa pode utilizar a tecnologia para aprimorar os processos produtivos e o relacionamento com fornecedores e clientes.

Para Maurício Felgueiras, presidente da MXM Sistemas, todos precisam conviver com a evolução tecnológica. “A inteligência cognitiva é algo novo, mas já é um processo disponível, de fácil acesso e de fácil uso. Permite receber melhor os produtos e serviços, melhora a interação dentro de uma relação de consumo ou pessoal. Pode ser aplicada, por exemplo, numa contratação, para avaliar qual é o melhor perfil de uma pessoa para aquele cargo.  E existem diversas outras aplicações, que ajudam a produzir bem estar, satisfação, ofertas mais adequadas e, sobretudo, a produzir riqueza. Sé seremos uma nação rica e com prosperidade se tivermos produtividade e produzirmos riquezas”, enfatiza Felgueiras.

O consultor de transformação Digital da CISCO, Severiano Macedo, explicou o que as micro e pequenas empresas da cadeia de fornecedores do petróleo devem fazer para se tornarem empresas digitais.  “O primeiro passo é repensar a força de trabalho, repensar as pessoas especificamente. Os empresários devem criar grupos multidisciplinares e se aproximar de empresas de fomento como o Sebrae para acelerar esse processo. E, por fim, é preciso ter foco no negócio. Não buscar a tecnologia pela tecnologia, buscar os resultados e o impacto no negócio final. Aí sim, decidir que tipo de tecnologia será usada no processo”, explicou.

 

Sebrae/RJ recebe missão técnica de outros Estados

Representantes do Sebrae Nacional e de outros seis Estados – Rio Grande do Norte, Pernambuco, Bahia, Alagoas, Amazonas e Espírito Santo – vieram ao Rio de Janeiro para conhecer os avanços relacionados à Industria 4.0. A missão técnica foi organizada pela Coordenação de Petróleo e Gás do Sebrae/RJ, que programou um conjunto de atividades com foco no processo de Transformação Digital na Cadeia de Valor de Petróleo e Gás.

Além da participação no workshop em Macaé, a programação continua nesta quarta, dia 04, no Rio de Janeiro, com reuniões no Cenpes (Centro de Pesquisas da Petrobras) e no IBP (Instituto Brasileiro do Petróleo); e visita ao Centro de Tecnologia da empresa Cisco e aos laboratórios da PUC/RJ, TECGRAF/Emprapii, especializados em tecnologias em Indústria 4.0 aplicados ao segmento de Petróleo.

O objetivo é mostrar como o Rio de Janeiro se tornou pioneiro na transformação digital proposta pela Industria 4.0 e como os demais Estados podem replicar os casos de sucesso que estão sendo apresentados. Coordenadora Nacional do Macrossegmento Energia do Sebrae, Eliane Borges disse que o evento tem tudo a ver com o processo de transformação digital que o Sebrae está empreendendo.

“O Sebrae está envolvido com o movimento da Indústria 4.0 e deve se tornar, em breve, uma grande plataforma com soluções voltadas para os pequenos negócios. Este trabalho que o Sebrae/RJ está fazendo com a Industria 4.0 tem tudo a ver com o ambiente propício que está acontecendo no Brasil e no sistema Sebrae. E eu estou muito feliz em ver que as ações estão confluindo para a construção de um futuro melhor nos pequenos negócios”.

 

Kellen Leal – Print Rio

Assessoria de Comunicação Sebrae/RJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *